quarta-feira, 31 de janeiro de 2007

Maior acervo científico português já está na Internet




A Universidade do Porto disponibilizou, ontem, em suporte digital, aquele que será o maior acervo científico português online. No sítio http://www.fc.up.pt/fa/ encontram-se digitalizadas cerca de 70 mil páginas de 143 monografias e 150 publicações periódicas científicas relativas ao período compreendido entre 1500 e 1945. São quase 500 anos de Ciência que agora ficam à distância de um computador.




O portal da Internet do Fundo Bibliográfico Antigo da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP), coordenado por Teresa Andresen - coadjuvada pela avaliação crítica da importância do espólio de Henrique Leitão, professor do Centro de História das Ciências da Universidade de Lisboa - não está, como a própria referiu, ontem, na apresentação, que decorreu no salão nobre da Reitoria, concluído. "Representa, apenas, uma parte do espólio científico da FCUP, ao qual pretendemos dar continuidade, desde que haja mecenas que nos ajudem", salvaguardou. A Caixa Geral de Depósitos patrocinou a primeira etapa.




A responsável apelou também "às achegas" dos internautas, através do seguinte e-mail. "É óbvio que o projecto não está perfeito. Há páginas que teremos que substituir, melhorar. E agilizar o acesso é também uma prioridade. Gostava que enviassem críticas e sugestões, por exemplo, de obras que gostariam de ver ali contempladas". O projecto entrará numa nova etapa no final de Março, pelo que as recomendações deverão ser enviadas durante o mês de Fevereiro.




[...]




O Fundo reflecte, de facto, essencialmente, a história da FCUP a Aula de Náutica, a Aula de Debuxo e Desenho, a Academia Real da Marinha e Comércio, a Academia Politécnica e a própria UP, fundada em 1911, com as Faculdades de Ciências, Medicina, Farmácia e Engenharia. Trata-se, como é reconhecido pela Universidade, "de um importante património do livro antigo, com uma significativa colecção de obras do século XVI e XVII - apenas algumas décadas após a invenção da imprensa - e um conjunto de periódicos dos séculos XVIII e XIX, provenientes das bibliotecas das primeiras expressões de ensino superior do Porto, embriões da actual universidade que remontam à primeira Aula de Desenho, em 1762".




[...]





Texto integral no Jornal de Notícias

Texto de Helena Teixeira da Silva

2 Comentários:

Ana Carvalho on 31 janeiro, 2007 disse...

Boas notícias!

Murilo Cunha on 10 fevereiro, 2007 disse...

Projeto muito interessante. Parabéns.

Arquivo

Categorias