sábado, 12 de junho de 2010

Bibliotecas públicas do Brasil vão receber telecentros comunitários




Autora: Renata Maia. Data: 9/06/2010.
Fonte: Ministério das Comunicações.
Está aberto, até o terça-feira, 15 de junho, prazo para todos os municípios brasileiros indicarem ao Ministério das Comunicações as bibliotecas públicas municipais - e não bibliotecas de escolas - que poderão ser contempladas com novos telecentros comunitários. A iniciativa faz parte do programa de Inclusão Digital do Governo Federal, que vem realizando um grande esforço para diminuir o número de brasileiros sem acesso à internet.
Até o momento, já foram entregues sete mil telecentros para 5.480 municípios, o que significa que 98,25% dos municípios do Brasil já conta com pelo menos um Telecentro Comunitário, cuja composição é de: 11 computadores – 10 terminais e um servidor – cada, além de impressora a laser, projetor data-show, um roteador para acesso à internet e o mobiliário, que inclui armários, cadeiras e mesas. A contrapartida municipal é a disponibilização do espaço físico para instalação dos equipamentos e de monitores para atendimento ao público.
A novidade, nesta fase do programa, é que os telecentros serão instalados exclusivamente em bibliotecas públicas. Segundo o Coordenador-Geral de Acompanhamento de Projetos Especiais da Secretaria Executiva do Ministério das Comunicações, Carlos Paiva, a intenção é incentivar a população a visitar a biblioteca, diversificar as fontes de consulta e oferecer, a toda a comunidade, acesso gratuito às novas tecnologias. “Nosso objetivo é garantir que a biblioteca pública continue sendo um local de democratização do acesso à informação e ao conhecimento”, afirma. Os novos telecentros deverão ser instalados até o final do ano.
Para maiores informações:
Ministério das Comunicações. Coordenação-Geral de Acompanhamento de Projetos Especiais. E-mail: cgpe@mc.gov.br

2 Comentários:

Juliana Souza on 16 junho, 2010 disse...

É um progresso para as nossas bibliotecas.
Gostei muito do seu blog.
Quando puder visita o meu: http://coisadebibliotecario.blogspot.com/

Juliana Souza

ACQUA on 18 junho, 2010 disse...

Tomo a liberdade neste e-mail de apresentar um importante produto para facilitar a acessibilidade em bibliotecas e telecentros.
Em primeiro lugar a ESTAÇÃO E3, que foi utilizada pela personagem Luciana na novela VIVER A VIDA. Na novela a estação foi utilizada como plataforma para informática mas sua utilidade vai muito além como em bibliotecas, telecentros, salas de aula e atém como platarforma para linha de produção.
O produto, desenvolvido e patenteado por uma empresa paulista, foi criado a pedido da Fundação Embraer e hoje já se viabiliza incluisive para países da Europa.
Peço sua gentileza em conhecer os vídeos abaixo e os anexos.
Desde já agradeço sua preciosa atenção e peço seu encaminhamento aos órgãos e departamentos de seu interesse.
Os produtos são comercializados com exclusividade pela ACQUA VERTTI LTDA e ambos patenteados.
Muito grato.

Roberto Façanha
ACQUA VERTTI LTDA
CURITIBA/PR
(41) 9255.6258

seguem os links:
http://www.youtube.com/watch?v=rgnb5zmHjew


http://www.youtube.com/watch?v=Yq5cpFC8yuU

Arquivo

Categorias